segunda-feira, 24 de maio de 2010

Clique aqui para ver o video da ABRATA no YouTube

A ABRATA - Associação Brasileira de Familiares, Amigos e Portadores de Transtornos Afetivos é uma associação sem fins lucrativos, fundada pela economista Marili Bardes, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida dos portadores de depressão e transtorno bipolar (doença que se caracteriza pela alternância de humor: ora ocorrem episódios de euforia (mania), ora de depressão, com períodos intercalados de normalidade), aliviando não só o seu sofrimento como o daqueles com quem convivem.

Da direira para a esquerda: Ivan (camiseta listas), Juliana, Amanda, Mariana, Daiana, Liamar, Viviane e Renato "Piaui" Batista na Avenida Paulista depois da palestra do Abrata - foto tirado pelo Flávio Rocha.

Os transtornos afetivos, a depressão e o transtorno bipolar afetam cerca de 340 milhões de pessoas em todo o mundo. Muitas delas nem sabem que sofrem deste mal, pois não têm um diagnóstico correto, sendo assim terminam não recebendo um tratamento adequado. Hoje, um tratamento adequado com acompanhamento correto pode ajudar qualquer pessoa portadora dessas doenças a ter uma vida produtiva, com qualidade e satisfação.

A ABRATA quer educar os portadores, seus familiares e amigos, os profissionais de saúde mental e a sociedade em geral, através da conscientização sobre a natureza e os tratamentos dos transtornos afetivos.

Da direita para esquerda: Ivan, Juliana, Amanda, Mariana, Daiana (camiseta azul), Liamar, Viviane e Flávio Rocha - foto tirado pelo Renato.

A associação promove, também, suporte para eliminar o preconceito e a discriminação que ainda acompanham os portadores dessas doenças. A associação tem vários projetos já implatados, entre eles: grupo de auto-ajuda, atendimento telefônico, atendimento por e-mails, encontros psicoeducacionais, capacitação de voluntários e outros. Além desses projetos, a ABRATA pretende criar um espaço de convivência aos portadores e familiares de transtornos e criar, nas empresas, o Projeto Psicoeducacional, entre outros projetos que estão em planejamento.

As pessoas que quiserem se tornar voluntários devem se cadastrar através do site www.abrata.org.br.

Mais informações podem ser obtidas diretamente na sede da ABRATA, localizada à avenida Paulista, 2644 - 7º andar - cj.71 - CEP:01310-300 - São Paulo - SP, pelo telefone (11) 3256-4831 ou pelo email contato@abrata.org.br.

Videos no Youtube:
Brasil - crianças e adolescentes com TOC

Mr. Jones Legendado Trailer (bipolar)

Transtorno de Personalidade Histriônica
Crianças bipolares - sem legenda

---------------------------------------

domingo, 23 de maio de 2010

Visita e palestra ao Centro Paulista de Recuperação - CPR - 10 horas de Estágio para a disciplina de Psicopatologia - professora Marlene Apolinário Vieira.
End.: Estrada da Lagoa – 352 – Bairro da Lagoa – Vargem Grande Paulista – SP – 06730-000 / Telefone: (11) 4158-8430 / Site: www.comunidadepaulista... / e-mail: cpr@clinicadetratamento.c om.br

Clique aqui para obter o powerpoint do CPR que foi dado na palestra (em CDR) - link para o Scribd.

Liamar (blusão vermelho), Carol, Luciana e Renata: comendo uns pasteizinhos antes da palestra (foto tirada pelo Ivan).

Turma do 3.ano esperando a abertura do portão para a palestra do "CPR" (depois do retorno da feira - pastéis).


Momento em que a Mariana tirava foto da Liamar falando com a turma

"Oferecemos aos portadores de transtornos mentais e ou Comorbidades um tratamento em regime de internação continuada no qual o paciente recebe assistência integral com o acompanhamento de médicos, psiquiatras, psicólogos, terapeutas, terapeutas ocupacionais entre outros profissionais de nossa equipe multiprofissional.O Tratamento tem a finalidade permanente de integrar e ressocializar o indivíduo em seu meio familiar e social, através de uma metodologia diferenciada que aborda todos os aspectos bio-psico-sociais do paciente. Conheça nossa metodologia de reabilitação psicossocial."

Da esquerda para a direita: Hiroshi (eu), Juliana e Daiana (acima).

A primeira foto com o temporizador na máquina fotográfica, antes de pegar á prática (acima).

Turma do 3.ano de Psicologia Uniban Morumbi II noturno no "CPR" (acima) - 22 de Maio de 2010 - da esquerda para a direita: Ivan (jaqueta preta), Kelly "Florzinha" (casaco branco), Flávio Rocha (atrás da Kelly), Amanda ( do lado da Kelly), Carol (atrás da Amanda), Mariana ( do lado da Amanda), Daiane (no meio, do lado da Carol), Juliana fazendo o sinal da "Hang Loose", Evania (atrás da Juliana), Renata ( do lado da Juliana), Hiroshi (agaichado), Luciana ( ao lado da Renata), Liamar ( de blusão vermelho) e Viviane ( no canto direito).

Já dentro do CPR setor masculino: Ivan, Kelly, Amanda e Daiana fazendo pose


-----------------------------------------